Conserva de limão e sal

Estava conversando com um amigo sobre alimentos caseiros e começamos a enumerar uma infinidade de produtos que podemos produzir: iogurte e kefir, geleias, sorvetes (sorbet e granita), vinagre, açúcares aromatizados e essência de baunilha, pasta de pimentão, molhos (maionese, aïoli, hollandaise, bernaise), azeite aromatizado, massa para macarrão, caldos (legumes, galinha, peixe e carne), koji, picles e conservas, queijos, além dos habituais bolos, biscoitos, tortas e pães (inclusive os fermentos naturais). Ele perguntou se tinha a receita daquela conserva de limões e sal no Gourmandise e, apesar de jurar que já havia postado sobre o tema, não encontrei nada aqui.


Conserva de limão: faça um corte em cruz nos limões orgânicos lavados (sem separar os gomos), encaixe em um pote de vidro esterilizado, intercalando com sal grosso. Cubra com mais sal grosso, feche o pote e deixe descansar em local seco e escuro por um mês antes de começar a usar. 
Use este limão (retire a polpa e lave a casca em água corrente) para temperar tajines, frango, carneiro, porco e massas.

Postado por Nina Moori.

Comentários

Unknown disse…
Depois de pronto, se usa apenas a casca para temperar então? A polpa joga fora?
Obrigado.
Gourmandise disse…
Pode usar a polpa como tempero também, mas fica super salgada.
N.
clau disse…
Poxa... esta é uma bo dica para sempre ter limão para dar o toque em algum prato salgado!
Vou anotar.
Anônimo disse…
Eu conheço com limão siciliano. Já fez com o tahiti?
Gourmandise disse…
A conserva da foto é feita com limão Tahiti. Tenho uma outra conserva com limão siciliano em meio mais líquido (água e sal) e é típica do Oriente Médio (como no filme Lemon Tree).
N.

Postagens mais visitadas