Como fazer fermento natural de keffir

O John e o Pierre estão muito bem. Sobreviveram perfeitamente à desidratação e ao último verão. Já o Severino foi "assassinado" pela pessoa responsável por realimentá-lo durante as minhas férias - aprendi da forma mais cruel que não devo deixar as minhas "crias" por aí.
Os pães rústicos (fermentação natural) foram produzidos em menor escala em casa no verão. O calor no último trimestre fazia os fermentos crescerem mais rápido que o normal e consequentemente os pães cresciam com maior velocidade e desenvolviam menos aromas característicos.
Estes últimos dias amanheceram nublados e acho que a garoa ajudará a diminuir ainda mais a temperatura. Clima perfeito para começar um novo fermento natural.
O ingrediente da vez é o keffir. Comecei ontem misturando dez gramas de farinha de trigo integral, quarenta gramas de farinha de glúten,vinte e cinco mililitros de keffir e vinte e cinco mililitros de água filtrada. Polvilhei com um pouco de farinha de trigo, cobri com filme plástico, fiz alguns furinhos e deixei repousar. Depois de 4-5 dias realimentarei com farinha de trigo e água filtrada.

foto do fermento natural de keffir - dia 2

Este fermento natural ainda não tem nome. Sugere algum?

Postado por Nina Moori.

Comentários

Este fermento deveria chamar-se Obama, não?
Astolfo! Acho tão simpático para um fermento! Ou Ernesto (é o nome do aquecedor de ambientes aqui de casa)! rsrsrs
Said. Nada mais coerente com sua descendência...
Gourmandise disse…
Quantos nomes diferentes! No próximo post sobre a criação deste fermento, colocarei uma enquete para a escolha do nome.

bjo,
N.
Regina Fernandes disse…
Fermento Nina. Seria muito justo, não acha?
Abrço
Sabor em Si
CF-MR disse…
Olá, duas perguntas:
Eu poderia trocar a farinha de glutem por farinha branca?
E pq usar farinha de glutem em vez de farinha branca ou integral?
CF,
Recomendo substituir a farinha de glúten pela farinha de trigo branca 00 ou similar. Use uma farinha com maior teor de glúten ou menos cinzas para obter um fermento mais forte.
O uso da farinha de trigo branco ou de trigo não é proibido para preparar o fermento, contato que estas farinhas tenham maior grau de pureza e qualidade (como as italianas).
Você pode encontrar vários textos explicativos sobre a vantagem das farinhas de trigo mais ricas em proteína, glúten ou com menos cinzas na internet.
att
Liz disse…
Entendi, muito obrigada.

Olá, se usar uma pouco de farinha de gluten junto com a farinha branca, o fermento fica mais forte. Fiz o fermento, mas o depois de todo o processo e fazer o pao esperando 12 horas para crescer o pao nao cresceu. Para nao perder os ingredientes tive que dissolver 10 g de fermento seco em agua morna e colocar na massa, sovar bem, espera 2 horas e assar. Depois alimentei o fermento na proporção que tirei,guardei na geladeira depois de começar a fermentar. No outro dia tentei a receita abaixo (video) e meu pao depois de 12 horas nao cresceu nem a metade do crescimento que esta no video. Penso que ele esteja fraco, como deixa-lo forte?
com farinha de gluten?
com kefir?
acucar?
Ou jogar fora e recomeçar outro?

Receita que fiz com fermento natural, pesei tudo, segui certinho;
https://www.youtube.com/watch?v=Hc-BSDmgZwE
Liz, provavelmente o fermento está um pouco fraco. Realimente substituindo uma parte do líquido com kefir (e água mineral), farinha de trigo como de costume e uma pitada de açúcar orgânico ou cristal. Aguarde crescer observando se o fermento desenvolve com mais força. Na realimentação seguinte não use kefir, só água, farinha e uma pitada de açúcar.
Espero que resolva.

Postagens mais visitadas