Crepe de cerveja

Bebo cerveja em raras ocasiões. Confesso que pouco entendo do tema.
Ganhamos uma garrafa de dry stout da Brotas Beer, cervejaria no interior paulista. A cerveja foi para a geladeira com o intuito de cozinhar, só não sabia se o destino seria um pão, um bolo, um cozido de carne, uma torta...
Experimentei apenas um golinho (afinal não deveríamos usar para cozinhar aquilo que não consumiríamos puro - por isso, nada de morango estragado para fazer geleia, tomate podre para molho ou vinho ruim para Coq au vin) e achei a cerveja correta.
Quando estava imaginando onde usar a tal bebida lembrei de um trecho de um livro alemão que citava uma tal crepe com massa de cerveja. Peguei uma receita de crêpe suzette e substitui o leite pela cerveja escura.


Crepe de cerveja Stout:
(7 crepes - 100% = 200 gramas)
167g de cerveja estilo dry stout
20g de óleo de girassol
1g de sal marinho
84g de farinha de trigo
15g de açúcar refinado
44g de ovo
Misture tudo com fouet. Faça as crepes em frigideira antiaderente levemente untada com óleo.


Sirva ainda quente com geleia de kinkan.


A massa desta crepe ficou pouco doce, por isso resolvi testar com recheio de queijo. Usei fatias de queijo da Canastra e grelhei em uma frigideira no fogo baixo. Ficou melhor que a geleia (mas sem foto).

Postado por Nina Moori.

Comentários

Anônimo disse…
E quando a madame bebe breja escolhe o que?
Unknown disse…
Gostei da Rochefort Trappistes 10 e da
Fantome Magic Ghost.

Postagens mais visitadas