Bucatini com ovas

Comprei bucatini por engano. Mania besta de fazer compras com pressa e pegar o primeiro pacote da gôndola.
E por que não gosto de bucatini?
Porque é o típico macarrão que espirra molho para todos os lados. Se tento enrolar no garfo, espirra molho (vermelho, de preferência) na mesa. E a cada três bocadas, mais molho respingado na roupa. Deve ter alguma técnica especial para comer esta massa... 
Para evitar roupas manchadas nada de molho escuro neste macarrão: manteiga, leite evaporado e salsa. Ah, e um pouco de ovas de Mujol porque ninguém é de ferro (coerência para quê?).


Macarrão com ovas (2 porções grandes): enquanto cozinha meio pacote da bucatini, derreta duas colheres de manteiga sem sal no fogo baixo. Adicione uma échalote em cubinhos e uma colher de ciboullete picada. Antes de começar a dourar acrescente cento e quarenta mililitros de leite evaporado (ou creme de leite fresco). Tempere com flor de sal e pimenta do reino moída na hora. Una a massa recém escorrida, uma colher de salsa picada e duas colheres de ovas de Mujol. Misture bem e sirva com mais ova (só não invente de colocar queijo ralado aqui) e polvilhe alga em pó (ou nori triturado).



Postado por Nina Moori.

Comentários

Anônimo disse…
E é comum abrir a geladeira e encontrar um pote de caviar?
Unknown disse…
lógico que não! nunca comprei caviar. são ovas de mujol adquiridas no duty free à 13 dólares um potinho de 60 gramas.
N.

Postagens mais visitadas