Vacherin II

Postamos sobre este maravilhoso queijo aqui. Seguindo as preciosas instruções da Elvira, desta vez preparamos o Vacherin da maneira tradicional: "...Recorta-se um círculo na parte superior da crosta, e depois coloca-se um dente de alho descascado e um pouquinho de vinho branco dentro. É só levar ao forno, na própria caixa de madeira, até derreter. Serve-se à colherada, sobre batatas cozidas..."
Infelizmente não tínhamos as linguiças defumadas de Morteau ou de Montbéliard para acompanhar, mesmo assim ficou delicioso! Derretido, quente, com um aroma mortal...



Comemos este queijo que D. trouxe da França para o aniversário de F.
Só lembramos de fotografar no final.

Postado por Marcel Miwa e Nina Moori.

Comentários

ameixa seca disse…
Ainda não provei este queijo... deve ser delicioso :)
Fabrícia disse…
Miam, adoramos....de vez em quando colocamos um ramo de tomilho ...
Bjs.
Alcina disse…
Adoro queijos assim derretidos, esse em especial nunca provei, mas tem excelente especto.
bjs
Eliana Scaramal disse…
Nossa que pecado!! Fiquei imaginando esse queijo tão cremoso por cima de batatas. Delícia!!


www.saboresdalica.blogspot.com
RITA BEDESCHI disse…
BOM DIA
GOSTARIA DE SABER UM ENDEREÇO ONDE POSSO ENCONTRAR ESTE RIPO DE QUEIJO, POIS MINHA FILHA FICOU MARAVILHADA AO VER COMO É SERVIDO..OBRIGADA RITA
Gourmandise disse…
Oi Rita,
Aqui em São Paulo, já vi vender em empórios como o Santa Luzia e o Santa Maria. Mas não estavam maduros.

abs,
N.
Gourmandise disse…
Após a reportagem sobre o queijo Vacherin Mont-D'Or no Globo Rural, recebemos muitos e-mails de pessoas interessadas no produto.
No Brasil, ninguém importa este queijo. Ainda. Quem sabe um dia o Sta Luzia, Sta Maria ou Caseus se interessem pelo produto...

att,
Nina Moori.

Postagens mais visitadas