Clos du Tue-Boeuf La Caillère 2004

Trata-se de um vinho 100% Pinot Noir, produzido no Loire, de forma natural. Um grande exemplo de como a delicaza e a intensidade podem se casar em um vinho. Realmente muito bom.
Não o compararia com nenhum Bourgogne. Cada um com sua tipicidade.



Este vinho foi alvo de um dos comentários/descrições mais curiosos/emotivos que já ouvi (como se pode notar tive dificuldade em classificar o texto que segue): "... e vestido como se fosse uma seda, como se fosse um cetim no ombro de uma diva de Hollywood dos anos 56. Isso aqui é uma coisa daqueles filmes em preto e branco, aquelas coisas acetinadas em ombros alvos de divas do cinema...”
Renato Machado (no Menu Confiança, sobre este vinho)


Postado por Marcel Miwa e Nina Moori.

Comentários

Mauricio disse…
eu ADORO os comentários do Renato Machado!!!!
Anônimo disse…
O Renato Machado foi chutado do programa pelo Troigros. Deve ter rolado um duelo de egos. Um nem sabe degustar corretamente (mas é da Globo) e o outro tem pai famoso e não decidiu se sua base na cozinha é francesa ou espanhola.
abs
Rodrigo.
Anônimo disse…
Gosto muito dos vinhos desse produtor : Thierry Puzelat.
Os brancos dele de Touraine de Sauvignon Blanc são muito bons.
Vejam uma ótima matéria com eles neste site :
http://www.wineterroirs.com/2008/07/thierry_puzelat.html

Um abraço !
Gourmandise disse…
Dos brancos, só degustei o Frileuse (que gosto muito).
abs,
N.

Postagens mais visitadas