Champagnes

Aproveitando esta época de final de ano, vamos deixar nossa opinião sobre três champagnes que degustamos.

Moët & Chandon Brut Impérial: notas frutadas de maçã e pêra, leveduras, torradas, leve resina e caramelo, palha. Excelente acidez, corpo médio + e final mais cítrico.
Estilo muito versátil, para degustar puro ou acompanhar acompanhar entradas.

Drappier Brut Carte-D'Or: aroma mais amendoado e mineral, muito elegante. Embora seja quase um blanc de noirs (90% pinot noir), seu corpo é bem leve, com perlage intensa sem nenhuma agressividade. Bastante complexo na boca rementendo a coco, amêndoa verde e resina no final. Também para degustar puro ou acompanhar com frutos do mar.


Pierre Moncuit Cuvée Hugues de Colmet Brut: este é um blanc de blancs muito intenso com aromas que lembram amêndoa seca, resina, leveduras e mineral. Perlage muito fina e elegante, acidez bastante alta e final com aroma de ervas muito persistente. Ao harmonizar com comida, suporta ingredientes mais aromáticos. Sua alta acidez combina com frutos do mar frescos.

Postado por Marcel Miwa e Nina Moori.

Comentários

Marizé disse…
Nina, que post útil para as comemorações do final do ano, obrigada.

Beijocas
Anônimo disse…
Qual seria o preço destas garrafas para público final?
laila disse…
ah mas vcs são muito finos..e q paladar...acho uma arte apreciar o vinho..preciso treinar!
bjos
Marizé, estes champgnes são excelentes, mas sei que Portugal produz bons vinhos espumantes!

Laila, o importante é degustar um vinho que agrade (não precisa "sentir" nenhum aroma específico) o seu paladar! rs

bjocas,
Nina.
anônimo,
preços no mercado a partir de:
Moët & Chandon Impérial - R$160,00
Drappier carte d'or - R$140,00
Pierre Moncuit - Hugues de Colmet - R$170,00.
abs,
Marcel
Valentina disse…
Me maltrata que eu gosto. amo bolhas.
Valentina, eu tbm! E ainda acho que não se deve esperar uma data especial para beber estrelas! rsrs
bjinho,
Nina.

Postagens mais visitadas