Vinagrete de Caqui

Durante as nossas comprinhas na feira orgânica do Parque da Água Branca, o Marcel avistou aqueles caquis (tipo Rama Forte) bem laranjas, grandes e maduros.

(M.) quero comer aquele "vinagrete" de caqui.
(N.) "vinagrete" de caqui com o quê?
(M.) peixe.
(N.) aqui não vende peixe.

Depois que terminamos as compras e tomamos o café da manhã no parque, o Marcel rumou para o Ceagesp atrás do peixe.
O "almojantar" daquele dia começou com um Gazpacho (novamente feito com tomates e pimentão orgânicos) de entrada e filé de Pargo grelhado com vinagrete de caqui.

Filé de pargo com "vinagrete" de caqui:
2 filés de pargo por pessoa
sal marinho
pimenta do reino moída na hora
azeite
caqui Rama Forte sem casca brunoise
cebola picada (deixe de molho em água para diminuir o ardor)
salsa picada
suco de limão galego
pimenta vermelha sem sementes
Misture o caqui com o suco de limão, sal, pimenta vermelha, salsa e azeite. Gele até servir.
Tempere os filés com pouco sal e um pouco de pimenta do reino. Grelhe em frigideira antiaderente com um fio de azeite (primeiro grelhe do lado da pele). Sirva imediatamente com o "vinagrete" de caqui à parte.


Para acompanhar o peixe, bebemos um Domaine Saumaize-Michelin Mâcon-Village "Les Sartaux" 07 e Claude Courtois Quartz Les Cailloux du Paradis 04. Existia uma certa apreensão em relação ao segundo vinho, alguns colegas relataram problemas de oxidação, algo teoricamente mais provável de acontencer em um vinho natural. Por sorte estava ótimo e com acidez bastante viva.


Faixa de preço dos vinhos: $$$ (Les Sartoux) e $$$$$ (Quartz)


Postado por Marcel Miwa e Nina Moori.

Comentários

Anônimo disse…
Será que este vinagrete combina com outros peixes?

abs,
R.
Gourmandise disse…
Acredito que combine com os peixes de carne branca. Talvez com aves também fique interessante.

abs,
N.

Postagens mais visitadas