Queijos e vinhos


Esta é uma harmonização que todos deveriam tentar pelo menos uma vez! Uma verdadeira harmonização enogastronômica, onde o queijo melhora na companhia do vinho e vice e versa.
Provamos um Brie maturado (como deve ser), cedido pela nossa amiga F., um queijo de massa mole e crosta florida (mofo branco) e um Édam, um queijo de massa prensada e não cozida de origem holandesa.




O vinho era o Balthasar Ress Riesling Kabinett 2004. Embora seja um kabinett (mais simples), já provamos também com um spätlese e um auslese e todos combinam muito bem (com estes queijos).

Postado por Marcel Miwa.

Comentários

laila disse…
ai que dleicia! só em ver esses queijos ai essa tacinha de vinho...
goles & nacos disse…
a mesa está linda!
[olhos brilhando para os queijos!]

=)
Nani do Paulo disse…
Esta ai uma combinação perfeita!
Beijos e ótima semana!
Marizé disse…
Digo muitas vezes que o meu petisco preferido é: pão queijo e vinho!

Beijocas
Diogo disse…
Nossa, uma tabuinha de queijos e uma garrafa de vinho, na frente de uma lareira, não tem nada melhor né?!

Ah, em tempo, o brie é pior que ruffles: impossível comer um só, hehehe!!
Gourmandise disse…
Laila, Joana, Nani, Marizé e Diego, evito queijos magros (porque são ricos em proteína, lactose, que eu tenho uma leve intolerância). Mas este que são gordos, aromáticos e saborosos....hum!
bjo,
Nina.

Postagens mais visitadas