Pão tronco


O meu pão recebeu este nome porque depois que saiu da forma estava com o formato e textura de tronco de árvore.
Mais umas daquelas receitas de pão que descansa na geladeira por 24h.

Pão tronco: peneire cento e vinte gramas de farinha de trigo, cem gramas de farinha de aveia, dez gramas de levedo de cerveja, quatro gramas de sal e cinco gramas de fermento biológico seco. Junte vinte gramas de linhaça e misture. Faça um vulcão no centro e adicione dezoito gramas de mel e duzentos e quarenta mililitros de água. Misture bem. A massa fica mole. Cubra com filme plástico e gele por 12-24h (quanto mais tempo, mais sabor acidulado terá após cocção). Coloque em forma untada (usei a forma tipo canaleta, mas a de pão ou bolo inglês fica ótima). Deixe crescer até dobrar (45 minutos-1h30). Asse à 220ºC por 10 minutos, abaixe para 180ºC e termine de assar (bata com os nós dos dedos, o pão assado tem som oco). Desenforme e deixe esfriar sobre grelha.


Postado por Nina Moori.

Comentários

laila disse…
ai que lindo sue tronco...adoro essas receitas de pães que são praticas...vc faz e esquence, volta assa e bum! uma explosão de sabor! bjos
bia disse…
que pao divino, no momento coloco linhaça em todo pao que faço ! ja estou anotando a receita para fazer logo ! bjs
Marizé disse…
Mais um pão que me abriu o apetite, a forma ficou muito bonita.
Beijocas e bom fim de semana
risonha disse…
gostei... tem um aspecto divinal. posso roubar uma fatia?
Laurinha disse…
Deve ser bom DEMAIS! Adorei sua idéia da canaleta!
Beijinhos,
colher-de-pau disse…
Não há nada como pão caseiro!!
Desde que comprei uma máquina de pão é raro comprar pão!
Virtual Chef disse…
Bela receita de pão...!
Obrigada Laila! Lembro que antes de começar a fazer pães, achava a coisa mais difícil de se cozinhar, mas depois percebi que bastava esperar crescer...e depois assar!

Bia, tenho lido tanto sobre linhaça, hj existe uma preocupação maior com a saúde/alimentação. Tenho usado muito a semente, a farinha e o óleo da linhaça. Noto que cada vez mais, pessoas se cuidam ingerindo vitaminas e proteínas existentes nos alimentos, ao invés de tomar comprimidos e cápsulas.

Obrigada Marizé, fiquei surpresa com o resultado final...está completamente diferente do que imaginei antes de assar, mas gostei por estar diferente.

Risonha, sirva-se à vontade. E volte sempre por aqui!

Laurinha, vou começar a usar formar variadas para assar pães...testando e aprendendo.

Colher de pau, tbm prefiro um pão feito em casa, com ingredientes que eu escolho, preparo e asso. Sem conservantes, com carinho.

bjos a todas e bom fim de semana!
Nina.
Obrigada Chef! Você posta belas e interessantes receitas, já copiei algumas (conheci através do Cozinhas do mundo).
abs,
Nina.
Natércia disse…
Esse pãozinho deve ser uma maravilha amei mesmo.um bjs e obrigada pela vizita no meu cantinho.Natércia...
Natércia, volte sempre por aqui tbm!
bjo e bom fim de semana,
Nina.
Silvia Arruda disse…
Esse pão ficou bem bonito e, ao contrário de um tronco, parece ter ficado bem macio! :)
Silvia, realmente ficou macio, mas vai dizer que não está com a textura de madeira?! rsrsrs
beijinhos,
Nina.
Nani do Paulo disse…
Achei esse "tronco" bem lindo e com uma cara apetitosa, até me candidato a virar "pica - pau" pra comer, rsrsrs
Nani, rsrsrs acho que foi o comentário mais engraçado que já li por aqui...
bjo e bom fim de semana,
Nina.
Mariângela disse…
Lindo Nina,estas massas é daquelas que não sovas?beijo!
Eliana Scaramal disse…
Que diferente esse pão?! Tão lindo!! Fiquei realmente encantada!!
Sylvia disse…
Adorei a textura desse pao.Bem interesante,quando minha fase preguiça de amassar passar vou ter tanto pao para fazer que nao vou ter que amassar por um ano
Bjs
Cris disse…
Nina, que delícia mais uma variação do KND (no-knead bread, não sovado) que está com tudo, eu amo estes pães! Bjs!
valentina disse…
Adorei o nome que colocastes.Como é o sabor?
Mariângela, Eliana, Sylvia e Cris,
este é um daqueles pão que não se sova, super prático! Apenas misture com espátula, cubra e gele. Depois é só colocar na forma e esperar crescer.

Sylvia, você já fez o "no-knead bread" do blog da Cris? É muito gostoso e não cansa!

Valentina, o sabor é levemente acidulado devido ao tempo de fermentação, sente-se o sabor de aveia e quando quente, um pouco do levedo da cerveja. A linhaça não tem muito sabor, mas dá textura (e ainda auxilia na saúde). Se não gosta de pão salgado, pode diminuir um pouco.

bjinhos a todas e descansem no fim de semana,
Nina.

Postagens mais visitadas